Dia do Aposentado: é momento de refletir e agradecer

Dia 24 de janeiro comemora-se o Dia Nacional do Aposentado. Apesar de ser uma data de comemoração no País, não há muito do que se alegrar. Com os constantes ataques aos direitos dos trabalhadores por parte do Governo, desde o golpe na ex-presidente Dilma, direitos são retirados, benefícios são diminuídos e os Aposentados também sofrem com todas essas perdas. Tudo isso é, de fato, lamentável!

DECLARAÇÃO – O presidente do Sindicato Nacional dos Aposentados, Marcos Bulgarelli, comenta: “O que nós queremos é um sistema igualitário. Por exemplo, da forma como o Governo formulou a Previdência, a população menos favorecida é quem sofrerá as consequências, inclusive os Aposentados. Além disso, o reajuste do salário mínimo abaixo da inflação só acrescenta mais um item na lista de perdas. Não podemos nem devemos aceitar a situação atual do Brasil. A única resposta que o Governo entende é nas ruas”.

DADOS – Segundo dados mais recentes divulgados pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), o Brasil tem hoje 18,5 milhões de aposentados. Porém, conforme o próprio instituto, 25% dos aposentados do país trabalham, e apenas 1% tem independência financeira. Uma realidade triste, pois prova a disparidade que existe entre a população, que atua a vida inteira em prol do desenvolvimento da Nação, mas sem suporte.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA – Não bastasse a situação da maioria dos Aposentados, o Governo ainda planeja aprovar uma Reforma maldosa que vai piorar ainda mais o cenário. Nesta data, nossa entidade relembra a luta sindical contra o pacote de maldades de Temer. É necessário uma mobilização geral, não só da militância, mas da população. Evitar perdas hoje, para garantir direitos conquistados há anos amanhã!

Daniel Lucas Oliveira

Jornalista formado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *