Planos de saúde ganham mais de um milhão de novos clientes em meio à pandemia

O Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) revela em seu mais recente boletim uma notícia curiosa neste momento de pandemia – com oito meses consecutivos de crescimento, o setor de saúde suplementar (os convênios particulares) ultrapassou mais de 1 milhão de novos vínculos entre julho de 2020 e fevereiro deste ano. Deste modo, volta a marca de 47 milhões de vidas abrigadas nas modalidades de autogestão, cooperativas medicas, filantropia, medicina de grupo e seguro saúde.

O crescimento, segundo o próprio Instituto aponta, pode ser visto como receio da população de não contar com plano de saúde em plena pandemia. Apesar do aumento de 1 milhão de contratações em 12 meses, o setor ainda não se recuperou da perda de beneficiários. Em 2014, os conglomerados, juntos, chegavam a 50 milhões de vidas atendidas.

MEDO DE COVID-19 NO SUS

O Boletim do IESS mostra que mesmo com a queda no primeiro semestre de 2020, as famílias e as empresas brasileiras permanecem com seus planos de saúde. Do total de beneficiários da saúde suplementar, 38,6 milhões, ou 80,9% são de planos coletivos. Em 12 meses, houve aumento de 2% entre os coletivos empresariais, 1,6% no tipo adesão e 0,2% entre os individuais.

O maior percentual de crescimento aconteceu na faixa etária de 59 anos ou mais, com avanço de 2,8% em um ano. O que representa aproximadamente 200 mil novos brasileiros idosos com planos de saúde. Esse crescimento coincide com o aumento no número de mortes de pessoas idosas, embora nos últimos quatro meses o perfil dos infectados tenha mudado radicalmente.

Segundo os últimos números levantados pelo IESS em fevereiro de 2021, 38,6 milhões (80,9%) de beneficiários de planos médico-hospitalares possuíam um plano coletivo. Desses, 83,7% eram do tipo coletivo empresarial e 16,3% do tipo coletivo por adesão.

Exclusivamente odontológicos

O setor de planos, exclusivamente odontológicos, continua crescendo em ritmo acelerado. O relatório mostra que o segmento cresceu 5,2% em 12 meses e firmou 1,3 milhão de novos vínculos, sendo 616,7 mil apenas entre os meses de novembro de 2020 e fevereiro de 2021.

CLIQUE AQUI E ACESSE O ESTUDO NA ÍNTEGRA

Wellington Torres

Editor da AGSP. Jornalista de coração e alma, pós-graduado em Assessoria de Comunicação e Mídias Digitais. Heavy user de redes sociais e fã de tecnologia. Assisto muitas sérias e atualmente meu maior vício são as médicas (Greys, The Good Doctor, New Amsterdam e The Resident) #LetsgotoCanada2022

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *