fbpx

CPI da Previdência comprova: NÃO HÁ DÉFICIT

O senador Paulo Paim (PT/RS), presidente da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Previdência, lançou a cartilha “CPI da Previdência – Ousadia & Verdade”, a qual apresenta um resumo das investigações feitas nas contas da Previdência Social brasileira, entre abril 1e outubro de 2017. O documento possui 25 páginas repletas de provas de que a tentativa de Reforma por parte do Governo não é necessária.

RELEVÂNCIA – Mesmo desacreditada no início dos trabalhos, a CPI da Previdência teve 63 assinaturas de senadores, sendo necessárias apenas 27. Com o apoio de movimentos sociais, sindicais e da população, além da contribuição de pessoas e entidades, a Comissão mostrou que a Previdência é superavitária e só interessa ao setor financeiro, bancos e empresas de previdência privada, ou seja, a elite do País.

O VERDADEIRO PROBLEMA – O relatório final aponta que a Previdência precisa corrigir os seguintes pontos: gestão; arrecadação; fiscalização; sonegação; corrupção; desonerações; desvinculações de receita. Também é preciso cobrar os grandes devedores, acabar com o REFIS (mecanismo que se destina a regularizar créditos da União), a DRU (Desvinculação de Receita da União) e a apropriação indébita.

PROPOSTA – Por fim, a cartilha apresenta o caminha para, de forma consciente e justa com o trabalhador brasileiro, ajustar a Previdência. Algumas delas são: fortalecimento dos órgãos de fiscalização; combate à fraude e à sonegação; auditoria da dívida pública; fim da política de desonerações e desvios de recursos; entre outras. Há também propostas de leis que possam garantir a permanência dos benefícios da Previdência, de forma que o Governo Federal não tenha poder para retirar recursos do patrimônio.

AVALIAÇÃO – “A CPI mostrou a verdade: a Previdência é superavitária. O relatório é cirúrgico ao apontar que o principal problema dela é de gestão, má administração, anistias, sonegação, desvios e roubalheira. Por estas poucas mas preciosas páginas, vamos compreender o que está por trás da reforma da Previdência do governo Michel Temer e sua intenção de privatizar o sistema”, enfatiza o senador Paulo Paim.

CLIQUE AQUI E VEJA A CARTILHA NA ÍNTEGRA

Daniel Lucas Oliveira

Jornalista da Agência de Comunicação Grita São Paulo - Ama sua família. Vovô de três netos lindos. Acredita em Jesus Cristo. Pratica e indica Jiu-Jitsu. Amante da Justiça e direitos sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *