NÚMEROS DE 14/5/2020 I Brasil tem 13.149 óbitos e 202.918 casos confirmados de Coronavírus

Ministério da Saúde divulgou ontem (às 19h58, de 14 de maio) novos números referentes à pandemia da Covid-19 (Coronavírus). São 13.993 óbitos e 202.918 casos confirmados. São Paulo lidera o ranking com 54.286 casos e 4.315 óbitos. No geral, a taxa de letalidade se mantém em 6,9%.

13.993 mortes, eram 13.149 na quarta (13)
202.918 casos confirmados, eram 188.874 
Taxa de letalidade de 6,9%
79.479 recuperados

CASOS POR REGIÃO

Sudeste tem 83.516.
Nordeste, puxado pelo Ceará, com 66.569 infectados.
A região Norte ultrapassou o Sul e o Centro-Oeste e agora tem 37.431.
Sul são 9.392.
Centro-Oeste
6.010 casos.

CASOS POR ESTADOS
Acre (1.740)
Alagoas (2.972)
Amapá (3.428)
Amazonas (17.181)
Bahia (6.955)
Ceará (21.077)
Distrito Federal (3.416)
Espírito Santo (5.813)
Goiás (1.423)
Maranhão (9.801)
Mato Grosso (719)
Mato Grosso do Sul (452)
Minas Gerais (3.950)
Paraná (2.063)
Paraíba (3.361)
Pará (10.867)
Pernambuco (15.588)
Piauí (1.784)
Rio Grande do Norte (2.537)
Rio Grande do Sul (2.997)
Rio de Janeiro (19.467)
Rondônia (1.686)
Roraima (1.500)
Santa Catarina (4.332)
Sergipe (2.494)
São Paulo (54.286)
Tocantins (1.029)
AÇÃO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE

Mais 3.314 médicos já se apresentaram para atuar no combate ao coronavírus em 1.218 municípios brasileiros e Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI). O total de profissionais é o resultado das duas primeiras chamadas do Edital nº 5/20, lançado emergencialmente para reforçar o atendimento nos postos de saúde durante a atual pandemia da COVID-19. Para a 3ª chamada do programa, mais 542 profissionais são aguardados para iniciar as atividades nos serviços de saúde entre os dias 19 e 26 de maio.

Na segunda chamada, 482 médicos foram alocados em 304 municípios para reforçar o atendimento na Atenção Primária à Saúde, incluindo 9 profissionais em 6 DSEI. Estes médicos, todos com CRM Brasil, irão se juntar aos cerca de 15 mil profissionais que já atuam em mais de quatro mil municípios pelo programa Mais Médicos. No total, o Ministério da Saúde recebeu mais de 9.410 inscrições de profissionais para as vagas abertas em 1.902 municípios brasileiros para preenchimento das vagas desocupadas no projeto. Para garantir a contratação dos profissionais para todas as vagas, o Governo Federal está investindo mais de R$ 1,2 bilhão.

Lucas R. de Souza Pereira

Jornalista da Agência de Comunicação Grita São Paulo - AGSP, ex-foca da redação, aficionado pelo mundo do futebol, games, séries e rock'n'roll

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×