Auxílio Emergencial | 2ª parcela começa a ser paga nesta segunda (18). Confira o calendário!

O Governo Federal publicou hoje no Diário Oficial da União o calendário de pagamentos da segunda parcela do Auxílio Emergencial de R$ 600,00. A Portaria 386, assinada pelo ministro da Cidadania Onyx Lorenzoni, institui as datas para recebimento para quem recebeu a primeira parcela até 30 de abril. O Governo não informou quando vai pagar a segunda parcela para quem receber a primeira depois desta data.

DETALHES

A portaria também alterou a forma de recebimento dos recursos pelos dos trabalhadores: a segunda parcela será depositada em poupança digital na Caixa para todos. Deste modo, os recursos vão poder ser usados, inicialmente, apenas digitalmente (para pagamentos de contas, boletos e compras por meio de cartão de débito virtual).

A partir de 30 de maio (os calendários estão nas artes abaixo), a Caixa começa a liberar saques e transferências. Para os trabalhadores que receberam a primeira parcela em outra conta, o dinheiro que ainda estiver na poupança digital será transferido automaticamente nas datas desse mesmo calendário.

Ainda sobre a primeira parcela…
A Caixa disponibilizará R$ 246 milhões do auxílio emergencial para 405.163 mil pessoas neste sábado (16). O banco recebeu ontem (14) da Dataprev o novo lote de beneficiários. No total, serão realizados 311.637 créditos em contas da Caixa e 93.526 em contas de outros bancos.

CONFIRA O CALENDÁRIO

 — Foto: Economia G1

Auxílio Emergencial segunda parcela - saque e transferência da poupança social — Foto: Economia G1

 — Foto: Economia G1

Tabelas: G1

TÓPICOS SOBRE O AUXÍLIO
  1. O Auxílio Emergencial é um benefício financeiro destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados, e tem por objetivo fornecer proteção emergencial no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia do Coronavírus.
  2. O benefício no valor de R$ 600,00 será pago por três meses, para até duas pessoas da mesma família.
  3. Para as famílias em que a mulher seja a única responsável pelas despesas da casa, o valor pago mensalmente será de R$1.200,00.
  4. Quem estava no Cadastro Único até o dia 20/03, e que atenda as regras do programa, receberá sem precisar se cadastrar no site da CAIXA.
  5. Quem recebe Bolsa Família poderá receber o Auxílio Emergencial, desde que seja mais vantajoso. Neste período o Bolsa Família ficará suspenso.
  6. As pessoas que não estavam no Cadastro Único até 20/03, mas que têm direito ao auxílio poderão se cadastrar no site auxilio.caixa.gov.br ou pelo APP Caixa | Auxílio Emergencial.
  7. Depois de fazer o cadastro, a pessoa pode acompanhar se vai receber o auxílio emergencial, consultando no próprio site ou APP.

Wellington Torres

Editor da AGSP. Jornalista de coração e alma, pós-graduado em Assessoria de Comunicação e Mídias Digitais. Heavy user de redes sociais e fã de tecnologia. Já assisti muitas séries, porém agora até minha mãe sabe mais de Greys Anatomy do que eu. Viajante aleatório, sonhando com #NewYork2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *