fbpx

Confira o perfil da Câmara dos Deputados na próxima legislatura (2019-2023)

Na próxima legislatura (2019-2023) da Câmara dos Deputados, mais de 80% dos parlamentares têm o nível superior. Algo como 8% têm o nível médio e 7% têm o nível superior incompleto. A maioria dos eleitos é profissional liberal. Mais de 75% se declaram brancos, contra 20% que afirmaram ser negros ou pardos.

Apenas 28 deputados têm menos de 30 anos. A mais velha é Luiza Erundina que tem 83 anos. Luisa Canziani é a deputada mais nova da Casa com 22 anos. Foram 77 mulheres eleitas para a Câmara, o que representa 15% da composição.

VOTAÇÃO DOS ELEITOS POR PARTIDO

Ao somar todos os eleitos por partido, o PSL, do presidente eleito Jair Messias Bolsonaro, foi o que obteve a maior votação no total. Foram 7.607.557 (mais de sete milhões e meio de votos). No pleito de 2014, o PSL teve 107.734. Em segundo lugar ficou o PT, com 6.132.809. Confira abaixo os números de outros partidos.

PT lidera o desempenho dos partidos nas eleições de 2018. Entre deputado distrital, deputado estadual e federal, governador, senador, senadores 1º e 2º suplentes e vice-governador, o Partido dos Trabalhadores conquistou um total de 153. Nas outras colocações, respectivamente, vem o MDB (149), PSL (140), PP (121), PSDB (112), PSD (108) e PSB (107). Os demais partidos não chegaram ao número 100 de eleitos.

COMPOSIÇÃO IDEOLÓGICA E BANCADA INFORMAL

Quando o assunto é composição ideológica, a esquerda aumentou, o centro diminuiu e a direita aumentou. As bancadas informais, considerando as principais, também tiveram alteração.

Empresarial – Manteve
Ruralista – Diminuiu
Sindical – Reduziu
Mulheres – Aumentou
Parentes – Manteve
Segurança – Aumentou
Evangélica – Diminuiu

OUTROS NÚMEROS DA NOVA CÂMARA DOS DEPUTADOS

269 irão cumprir seu primeiro mandato da Câmara. 141 estreantes se elegeram em função da relação de parentesco com políticos tradicionais, lideranças evangélicas, policias linha dura ou celebridade. PT, PSL e PP passam a ser, respectivamente, as maiores bancadas com 56, 52 e 37. O partido que mais perdeu foi o MDB (antigo PMDB), que caiu de 66 em 2014 para 34 eleitos em 2018.

SOBRE O NOVO SENADO FEDERAL

Das 54 vagas em disputa, apenas oito foram preenchidas por candidatos à reeleição, sendo as demais 46 ocupadas por outros candidatos. Dos 54, apenas 32 tentaram a reeleição e destes somente oito renovaram seus mandatos. Dos 46 novos, pelo menos 40 nunca foram senadores e nove nunca ocuparam cargos públicos, nem eleitos e nem nomeados para funções de confiança. A renovação no Senado, em relação às vagas em disputa, foi 85%.

IMPORTANTE

As informações contidas nesta matéria foram colhidas em um documento de 30 páginas elaborado pelo Diap – Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar. O material está disponível no site da entidade. Vale reforçar que o Diap é uma das instituições mais sérias do País.

Daniel Lucas Oliveira

Jornalista da Agência de Comunicação Grita São Paulo - Ama sua família. Vovô de três netos lindos. Acredita em Jesus Cristo. Pratica e indica Jiu-Jitsu. Amante da Justiça e direitos sociais.

Um comentário em “Confira o perfil da Câmara dos Deputados na próxima legislatura (2019-2023)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *