ONG “Mi Leva” inaugura monumento em homenagem ao Manchinha no Pet Parque Osasco

A ONG “Mi Leva” e o Instituto Manchinha (ambas entidades de proteção animal em Osasco) inauguraram neste domingo (28), no Pet Parque, um monumento em homenagem ao cachorro batizado de Manchinha. O animal morreu após ser envenenado e espancado por um funcionário do Carrefour na cidade, em dezembro de 2018.

Os protetores da ONG acompanharam o caso desde o início e tiveram o apoio da Prefeitura, que concedeu o espaço e a obra para esta iniciativa. Já a escultura e placas, que estão prontas há mais de um ano, foram doadas com recursos próprios pelas responsáveis do projeto, Carmen Mariano e Lilian Uyema.

Carmen Lucia Mariano falou com nossa equipe:

A imagem é uma forma de dar continuidade ao legado do cãozinho, que abriu portas para o debate sobre os direitos dos animais. Além da homenagem, arrecadamos pacotes de ração para cães e gatos, que serão doados para continuidade do trabalho desenvolvido. Essas ações fazem uma grande diferença”.

O prefeito Rogério Lins esteve presente e postou o momento em suas redes sociais.

 

Caso Manchinha

Manchinha era um cachorro abandonado e dócil que perambulava pelo Carrefour de Osasco e recebia alimentos e afagos de clientes e funcionários. Câmeras de segurança gravaram o funcionário da empresa de segurança prestadora de serviços correndo atrás do animal com uma barra de ferro. Apesar das imagens não mostrarem a agressão, o segurança admitiu, em depoimento à Polícia, ter batido no cachorro com a barra para expulsá-lo do supermercado, mas que não teve a intenção de feri-lo.

Manchinha foi levado a uma unidade especializada em animais, mas não resistiu. Segundo a veterinária que o atendeu, ele faleceu em decorrência de sangramento. O responsável pela agressão foi indiciado pelo crime de abuso e maus-tratos a animais.

Wellington Torres

Editor da AGSP. Jornalista de coração e alma, pós-graduado em Assessoria de Comunicação e Mídias Digitais. Heavy user de redes sociais e fã de tecnologia. Assisto muitas sérias e atualmente meu maior vício são as médicas (Greys, The Good Doctor, New Amsterdam e The Resident) #LetsgotoCanada2022

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.