Atendimento do Bom Prato é ampliado, inclusive no final de semana

O Governo de São Paulo anunciou em coletiva nesta segunda, dia 30 de março, a ampliação do serviço das 59 unidades Bom Prato em todo o Estado. Assim, os restaurantes passarão a servir jantar e também terão expediente aos fins de semana.

O governador João Doria afirmou que a medida é válida para os próximos 60 dias, a contar a partir de 1º de abril. Em suma, a rede servirá 1,2 milhão de refeições a mais por mês. O intuito principal da ação é atender pessoas em situação de rua e famílias em extrema vulnerabilidade social durante a pandemia do novo Coronavírus (Covid-19).

A partir desta quarta (1º), todos os 59 restaurantes do Bom Prato vão passar a servir café da manhã, almoço e jantar. São 2,4 milhões de pessoas alimentadas a R$ 1,00 no almoço e no jantar e a R$ 0,50 no café da manhã. O investimento total será de R$ 18 milhões para atender pessoas que mais precisam, em situação de rua, desempregadas, sem renda ou com uma renda mínima”, afirmou Doria.

DETALHES

Ao todo, serão 60% a mais em refeições, em um investimento de R$ 18 milhões. Além disso, as refeições serão servidas em embalagens descartáveis, já que não é possível se alimentar nas próprias unidades. Os horários de atendimento, portanto, serão os seguintes: café da manhã das 7 às 9 horas, almoço das 10 às 15 horas e jantares das 17h30 às 19h30.

“Com o fechamento de outros restaurantes e muitas organizações sociais em quarentena, precisamos duplicar nossos esforços. Pelos próximos 60 dias, vamos garantir três refeições balanceadas e de qualidade todos os dias”, afirmou a secretária de Desenvolvimento Social, Célia Parnes.

Lucas R. de Souza Pereira

Jornalista da Agência de Comunicação Grita São Paulo - AGSP, ex-foca da redação, aficionado pelo mundo do futebol, games, séries e rock'n'roll

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×