Bolsonaro, após recorde de mortes no Brasil: “Quem não quiser trabalhar, que fique em casa”

O presidente Jair Messias Bolsonaro não para de proferir declarações polêmicas. No dia seguinte ao recorde de mortes no Brasil

Ler mais
×